Sobre o Curso

O Curso Avançado de Patogênese do HIV vem sendo realizado desde 2006 e teve início de uma iniciativa de colaboração entre o grupo do Prof. Dr. Esper Kallás, da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, e o Prof. Dr. David I. Watkins, então filiado a Universidade de Wisconsin, Madison, EUA, e atualmente pesquisador da Universidade de Miami, EUA. Nessa ocasião, a motivação principal foi a de beneficiar estudantes, professores e cientistas brasileiros (com dificuldade de participar de eventos internacionais) trazendo para São Paulo um curso que abordasse os mais novos achados sobre a patogênese do HIV/AIDS e que possibilitasse uma maior interação entre tais profissionais e o avanço do conhecimento nesta área.

A primeira edição, realizada em 2006, contou com a participação do Prof. Dr. David Watkins e do Prof. Dr. Mario Stevenson, então da Universidade de Massachusetts, EUA. Juntamente com pesquisadores brasileiros, principalmente da Universidade de São Paulo e da Universidade Federal de São Paulo, foram realizadas uma série de palestras, que abordaram temas básicos e avançados em virologia, imunologia, prevenção, tratamento e desenvolvimento de novas vacinas, seguidas de discussões com a participação dos 35 alunos inscritos, além da distribuição de material didático e disponibilização das aulas apresentadas. A iniciativa foi um sucesso, encorajando a realização de novas edições do evento nos anos seguintes. A cada ano o Curso vem crescendo tanto no número de palestrantes renomados como no número de participantes inscritos. O Curso Avançado de Patogênese do HIV está integrado às atividades do Programa de Pós-Graduação da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (Disciplina MCM5895). Conta com o suporte da Faculdade de Medicina da USP, e da Fundação Faculdade de Medicina.

2017 foi um ano de muitas novidades, entre elas o “Mini-curso: discutindo pesquisa clínica”, as “sessões de controvérsias”, a “roda de conversa”, o “cine-pipoca” e nossa primeira “sessão de pôsteres”. Foi um sucesso de público e crítica, contou com a participação de 20 palestrantes estrangeiros (EUA, Canadá, Alemanha, Japão) e 6 palestrantes brasileiros, que apresentaram dados inéditos sobre o tema para mais de 300 inscritos.

Os organizadores do Curso têm como proposta consolidar este evento como um dos mais importantes em patogênese do HIV no Brasil, abrindo oportunidades de colaboração entre os centros de pesquisa internacionais e brasileiros da área.

Esperamos vocês, ávidos por conhecimento, na edição de 2018!!!